sábado , 22 julho 2017

Exportações e importações registram onda de crescimento no Espírito Santo

Foto: Dayana Souza

Foto: Dayana Souza

O comércio exterior capixaba fechou os quatro primeiros meses do ano mantendo a onda de crescimento e recuperação: as exportações em 2017 já somam US$ 2,5 bilhões, uma alta de 27%, se comparado ao mesmo período de 2016; enquanto que nas importações, o crescimento foi de 12%, totalizando US$ 1,37 bilhão.

Os dados foram divulgados pelo Sindicato do Comércio de Exportação e Importação do Espírito Santo (Sindiex). O presidente do sindicato, Marcilio Rodrigues Machado, ressalta que o desempenho positivo ajuda a elevar a confiança do empresariado, mesmo com os gargalos enfrentados pelo setor no país.

Minério de ferro e aço foram os principais responsáveis pelo aumento no montante exportado de janeiro a abril deste ano, com acréscimos de 52% e 58%, respectivamente. Nas importações, o carvão mineral foi o destaque, ao registrar aumento de 110% no período analisado, se comparado com 2016. As operações de tecidos e equipamentos eletroeletrônicos também registraram um desempenho positivo, com 30% e 7%, respectivamente.

“A pauta de exportação capixaba composta principalmente de commodities, dentre elas o minério de ferro, cujo preço se encontra em alta, faz com que os anos de 2017 e 2018 sejam bastante promissores para o setor, caso essa tendência seja sustentável. A retomada da economia deverá incrementar as importações e será um elemento importante na competitividade e controle dos preços no mercado interno”, lembrou Machado.

ESHOJE.