sábado , 22 julho 2017

Brasil vive agora uma Ditadura Judiciária e sofre prejuízo

por Paulo Cesar Dutra

Escrevi aqui na última segunda-feira, que podia me enganar, porque eu achava que os militares não estavam alheios, à situação do país, em razão da declaração dada pelo general do Exército da reserva, Augusto Heleno Ribeiro Pereira, por ter o STF dado liberdade dos criminosos da Lava Jato. O general disse: “Será que os doutos Ministros do STF avaliam o mal que têm causado ao país? O que vem daqui prá frente, não sei, pode ser uma surpresa!

Pensei que os militares estavam se preparando para tomar o país mais uma vez. Ou seja, enfrentaríamos mais uma vez, a Ditadura Militar. Bati na madeira três vezes, mas a mandinga mudou o rumo e a emenda foi pior de que o soneto.

Pelo que estamos assistindo com essa bomba que foi lançada sobre o Brasil é de que agora vamos encarar uma “ditadura judiciária” de hoje em diante. Com a renúncia do Michel Temer, quem assume a Nação, por enquanto é o presidente da Câmara!E depois! Será pior de que a Ditadura Militar!Só o tempo dirá!

Mais de um preso na Lava Jato
Ontem, dia 17, publiquei aqui a seguinte nota: “Será que vai ser amanhã de madrugada que vai acontecer essa prisão! Não estou nem dormindo direito. Essa Lava Jato virou um pesadelo!” Eu tinha uma informação de que haveria uma prisão no Espírito Santo, e não outras em outros estados. Fui surpreendido também. Mas pode haver outras surpresas aqui na terrinha.

Max da Mata continua no cargo
O Secretário de Estado dos Esportes, Max da Mata, ganhou mais dois dias no governo do Estado.

Os 78 anos do ex-governador José Ignácio
Hoje, 18, o ex-governador José Ignácio Ferreira completou 78 anos. Vai comemorar em família. Os parabéns da coluna.

ESHOJE.