terça-feira , 22 agosto 2017

Cozinha integrada, grande mesa de jantar e adega roubam a cena em apartamento com estilo industrial

A morada na serra gaúcha atualizou a tradição característica do local

Cozinha integrada, grande mesa de jantar e adega roubam a cena em apartamento com estilo industrial Cristiano Bauce/Divulgação

A distribuição do espaço deste living chama a atenção: o estar é um recanto pequeno, mas o jantar e a bancada da cozinha são grandes e podem acomodar muitas pessoas.

No projeto do arquiteto Leonardo Ciotta, de Caxias do Sul, a tradição da boa mesa da Serra gaúcha está presente, mas com um visual que pode ser visto em qualquer lugar do mundo.

O piso é um porcelanato cinza, com medidas de 1m50cm x 75cm. Mesma cor escolhida para grande parte do mobiliário sob medida e planejado, em melamina.

Um toque de aconchego fica na adega, com divisórias em madeira e vidro fosco. Logo ao lado,no estar, mais um toque de marrom, porém com textura de pedra sintética: o material da parede do home são placas de dekton.

Para inspirar
Veja combinações que podem ser aplicadas nas decorações.
– No estar, a mistura da estampa do tapete com o pufe é tendência. E observe o charme dos quadradinhos também usados no papel de parede no corredor, ao lado da adega.
– Na adega, a mistura de aço,madeira e pedra mostra que o trio junto sempre dá certo.
– A churrasqueira está escondida em um painel de melamina cinza, assim é integrada aos armários da cozinha e fica escondida quando não está sendo usada.
– Misturar novidades com propostas práticas: alguns setores dos móveis planejados da cozinha têm revestimento de aço inox. Já a bancada ganhou um granito preto mais simples – se não tivesse o cooktop, seria uma opção em conta usar novamente a melamina.

Família no foco
Como mandam os hábitos da região, receber para comer bem é uma prioridade da área social, onde há a cozinha com bancada extensa e banquetas e a mesa para 10 lugares, com cadeiras assinadas por Jasin Morrison. Detalhe: o estar é mais enxuto, mas não menos confortável – como mostra o sofá de veludo.

Foto: Cristiano Bauce / Divulgação

Sem regras
A iluminação deveria ser pontual e criar um efeito de bistrô – para isso, foram eleitas as luminárias Tom Dixon. O quadro é de Vitor Senger.

Foto: Cristiano Bauce / Divulgação

Melhor com o tempo
Para as prateleiras dos vinhos, foi usada uma estrutura de aço corten, que propositalmente mudará de cor e textura com o passar dos anos. Na parede da foto abaixo são placas de pedra vulcânica. A madeira escolhida para a adega foi a cedro rosa.

Foto: Cristiano Bauce / Divulgação

Parece,mas não é
A parede ao lado da bancada da cozinha tem o visual de uma divisória estrutural no reboco. Na verdade, é apenas um efeito de blocos de concreto sobre uma parede de alvernaria.

Foto: Cristiano Bauce / Divulgação
CASA&CIA