segunda-feira , 20 novembro 2017

“Eles não vão duplicar a BR 101”, denunciou Da Vitória

Parlamentar foi enfático ao afirmar que a ECO 101 não vai duplicar a rodovia. Frente Parlamentar pela Duplicação da BR 101 se reuniu com representantes da OAB

A Frente Parlamentar pela Duplicação da BR 101 se reuniu na tarde desta quarta-feira (01) na Assembleia Legislativa com representantes da Ordem dos Advogados do Brasil e várias entidades da sociedade civil para debater ações após a liminar da Justiça que impediu o Ato do último dia 27.

Para o deputado estadual Josias Da Vitória (PDT), presidente da Frente Parlamentar pela Duplicação da BR 101, a concessionária não irá duplicar a rodovia.

“A ECO 101 não irá duplicar a BR 101. Não duplicaram nenhum quilômetro até hoje e sabemos que não irão duplicar. O presidente da concessionária esteve na Assembleia há uns dois meses e disse que a arrecadação estava em 550 milhões. Dois meses depois e anunciaram ontem que está em 560 milhões. Ninguem faz auditoria dessas contas? A ANTT é a melhor advogada que a ECO 101 poderia ter”, enfatizou o parlamentar.

O deputado Da Vitória lamentou a liminar da Justiça que impediu o Ato pela Duplicação que seria realizado no último dia 27 na praça do pedágio na Serra e reforçou a união entre as entidades.

“Impedir um ato que seria para orientar a população mostrou como a ECO 101 está protegida. A Frente Parlamentar se coloca à disposição do Comitê pela Duplicação que está sendo encabeçado pela OAB para que possamos realizar audiências públicas e agendas para que possamos resolver esse impasse”, ressaltou.

O Secretário-geral da OAB e coordenador do Comitê pela Duplicação, Ricardo Barros chamou de incabível a decisão da Justiça de conceder a liminar proibindo o Ato e afirmou que no início da próxima semana irá entrar com uma representação para derrubar a liminar.

“O Ato seria informativo. O objetivo era que pudéssemos distribuir panfletos para que as pessoas possam saber onde encontrar o contrato, acompanhar o movimento, o número de mortos. Movimento meramente informativo, que foi informado a Polícia Rodoviária Federal, a Policia Militar, a todos os órgãos responsáveis e foi surpreendido na noite anterior ao Ato. No início da próxima semana iremos entrar com uma ação para derrubar essa liminar”, ressaltou.

Participaram da reunião pela Frente Parlamentar os deputados Da Vitória (presidente) e Enivaldo dos Anjos (relator); a OAB representada pelo secretário geral Ricardo Barros, além dos representantes da Federação Metropolitana do Movimento Popular da Grande Vitória; Conselho Comunitário de Vila Velha; Federação das Associações de Moradores da Serra; Federação das Associações de Moradores de Fundão e Conselho Comunitário de Cariacica.

Por Giovani Pagotto – Assessor de Imprensa  – Deputado Estadual Da Vitória