sábado , 24 fevereiro 2018

Mulher mantida em cárcere privado pelo marido é libertada pela polícia no ES

Uma mulher que era mantida em cárcere privado pelo próprio marido foi libertada pela polícia nesta terça-feira (6), em uma casa na comunidade de Sítio da Saúde, interior de Sooretama, Norte do Espírito santo. De acordo com o delegado Fabrício Lucindo, ela foi mantida no local por oito meses sem sair. O esposo foi preso.

Os policiais foram até a residência para atender a uma denúncia de ameaça, mas assim que chegaram, a mulher saiu correndo do local pedindo socorro.

“Ela abordou os policiais desesperada e disse que estava refém do sujeito, que a obrigava a ficar no local muitas vezes passando fome, necessidades, e o tempo todo sendo ameaçada”, contou o delegado Fabrício Lucindo.

Para a polícia, o marido negou que mantinha a mulher em cárcere privado e que havia tentado matá-la.

“Ela contou que o marido a ameaçava o tempo todo com um facão que guardava em casa e inclusive havia comprado umas correntes para poder amarrá-la, evitando que ela saísse. Mesmo assim, diante de todas as provas, ele negou o crime”, falou Lucindo.

A Polícia Civil informou que, se o homem for condenado, pode pegar de dois a cinco anos de prisão. Ele foi levado para o Centro de Detenção Provisória de Aracruz.

Fonte: Portal G1